Marketing Verde: Tendência, Necessidade ou Modismo?

É possível que o termo  marketing verde não seja novidade para muitas pessoas, no entanto, a sua definição ainda permanece obscura entre os acadêmicos e os seus adeptos pragmáticos. Alguns dizem que o marketing verde esta relacionado à sustentabilidade, outros afirmam que é o reconhecimento e a conscientização da empresa como integrante de um ambiente maior, porém com recursos finitos.

Diretamente relacionado com o tema marketing verde, a sustentabilidade, vem sendo alvo de muitas empresas que praticam atividades empresariais de forma responsável.

Sustentabilidade é um conceito sistêmico, relacionado com a continuidade dos aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade humana, consisite em descobrir modos mais equitativos de produzir, consumir e viver. A amplitude do conceito de sustentabilidade, tão usual em marketing verde, permite-nos inferir a partir de então,  que a função do markting verde vai além da busca da manutenção dos recursos finitos, para a exigência imediata de conscientização dos responsáveis por esse planeta, TODOS NÓS!

Atribuir à empresa a responsabilidade pela manutenção dos recursos de nosssa planeta é eximir-se da responsabilidade individual. De acordo com Jung “a psicologia do indivíduo corresponde a psicologia da nação”. Essa afirmação também vale para questões de sustentabilidade, sendo assim, “a psicologia de cada nação se manifesta na forma como ela trata o planeta” (AURELIANO, 2009).

Algumas ações emergentes estão sendo realizadas para equilibrar o meio ambiente. A conscientização dos indivíduos será a base para que a prática sustentável faça parte do dia-a-dia, mostrando que a busca pelo equilíbrio entre o homem e o meio ambiente é um processo contínuo, moroso, mas que proporcionará a todos dias melhores, inclusive àqueles que virão.

Sucesso,

Leave a Comment (0) ↓